Um para mim, outro para ti

Um para mim, outro para ti
E

m ambientes em que imprimir grandes quantidades de documentos é uma necessidade (balcões de atendimento, caixa entre outros) nem sempre uma impressora basta, ficando a mesma atolada de trabalhos em espera. A solução é adicionar uma segunda (ou terceira, quarta... x) impressora.

Mas agora o utilizador tem de escolher em qual das impressoras envia a impressão. Uma escolha errada leva-lhe de volta a fila de espera, e sendo os utilizadores criaturas de hábitos, continuarão a imprimir para a impressora inicialmente disponibilizada, criando uma discrepância de trabalhos entre as múltiplas impressoras.

Para resolver esta situação, existe o pooling de impressoras, que permite distribuir os trabalhos entre impressoras, sendo que o utilizador apenas vê uma impressora instalada e não tem de escolher entre várias.

Ativando o pooling de impressoras

Primeiro, algumas recomendações:

  • As impressoras devem ser modelos iguais/semelhantes, porque irão usar o mesmo driver de impressora.
  • A impressora deverá estar instalada num servidor central e não nos computadores individuais. Isto é para que apenas haja um ponto para fazer o processamento e balanceamento das impressões.

Através do Device and Printers ou Printer Management, acede as propriedades da impressora clicando com o botão direito na impressora escolhida e clica em Properties. Na tabela Ports, no final da janela, ativa a opção Enable Printer Pooling.

propriedades-impressora-printer-unica

Depois de ativado, podes usar portas adicionais (locais ou de rede) na mesma impressora, permitindo assim o balanceamento dos trabalhos de impressão.

propriedades-impressora-printer-pooling

E assim, sempre que houver um fluxo muito grande de impressões, as mesmas serão partilhadas entre as várias impressoras.

Adicionar Comentário

Por Vitor Pinho

Vitor Pinho

gravatar

Administrador de sistemas e informático a mais de 19 anos, desde o tempo do MS-DOS e Windows NT e autodidata em tudo que é relaccionado a IT.